Arquivo do dia: 07/11/2007

(WC-16) MARCELO SUARTZ SEGUE NA LUTA … E BEM!

43.ª COPA MUNDIAL DE BOLICHE QUBICA AMF
3 a 11 de novembro de 2007 – Continental Bowling – São Petersburgo, Rússia

Na última rodada dessa primeira fase classificatória, o brasileiro Marcelo Suartz teve um início parecido com o de ontem fazendo 204 (ontem foi 212) e depois 246 (ontem foi 246), porém na terceira linha tropeçou num 188 (ontem foi 259), mas recuperou-se logo na seguinte com 254 (ontem foi 279).

Até agora, nas quatro primeiras linhas, o Marcelo fez 892 pontos (223 de média). Está com 225,05 na média geral.

Se fizer 511 pontos nas duas linhas finais ultrapassa o colombiano Andrez Gomes que está em terceiro com 5461 pontos. Se fizer 443 ultrapassa o norueguês Glenn-Morten Pedersen, que está em quarto.

Em primeiro está o australiano Jason Belmonte com 5606 pontos (233,58 de média), seguido pelo norte-americando Bill Hoffman com 5489 (228,71).

215 na quinta linha, debaixo de chicote, conforme diz o Rubinho. E com o 205 na última fechou a série com 1312 (218,66). No total das 24 linhas deu 5371 pontos, 223,79 de média, e o quinto lugar nessa fase, o que já garantiu o melhor desempenho brasileiro nos quarenta e três anos da Copa Mundial Qubica AMF.

Mas … ainda tem mais emoções!

Anúncios

(WC-15) O SEGUNDO PERFEITO DO MUNDIAL

43.ª COPA MUNDIAL DE BOLICHE QUBICA AMF
3 a 11 de novembro de 2007 – Continental Bowling – São Petersburgo, Rússia

O grego Argyrios Ketsetzis teve uma bela surpresa na terceira rodada. Depois de bater 254, 189, 202 e 173, acabou sendo premiado com o 29.o jogo perfeito masculino da história da Copa Mundial Qubica AMF (o 36.o no geral, considerando os seis femininos). Fez 203 na última, para fechar a série com 1321 pontos (220 de média).

Passou a noite comemorando … e … as conseqüências da festa vieram na quarta e última rodada (200, 176, 183, 180, 149 e 190), fechando a participação na Copa Mundial com 4794 pontos (média de 199,75).

OK, OK … entrou pra história!

(WC-14) ROSELI QUEBRA RECORDE MAS FICA FORA …

43.ª COPA MUNDIAL DE BOLICHE QUBICA AMF
3 a 11 de novembro de 2007 – Continental Bowling – São Petersburgo, Rússia

Faltou pouco para Roseli Santos conseguir classificar-se para a fase seguinte da Copa Mundial. Na última rodada, precisando fazer média superior a 200, ela conseguiu 183, 178, 181, 197, 169 e 213, totalizando 4636 pontos nas 24 linhas e média de 193,17. Ficou com o 34.o lugar.

Clique aqui e veja como foi a última série da Roseli, frame a frame.

Mesmo assim foi a melhor média feminina brasileira em toda a história da Copa Mundial Qubica AMF, nos vinte e um anos de participação das mulheres do Brasil em dezesseis edições.

Roseli participou pela segunda vez do maior evento de boliche do planeta. A primeira foi há dez anos (1997), na cidade do Cairo, Egito.

16) 2007 – Rússia – 34.ª – Roseli Santos (2) – 193,17
15) 2006 – Venezuela – 52.ª – Suzilene Ivata – 178,54
14) 2003 – Honduras – 30.ª – Luiza Rocha – 186,40
13) 2000 – Portugal – 42.ª – Marina Suartz – 174,00
12) 1999 – Estados Unidos – 28.ª – Lúcia Vieira – 192,12
11) 1998 – Japão – 37.ª – Dayse Silva (3) – 176,04
10) 1997 – Egito – 33.ª – Roseli Santos (1) – 184,95
9) 1996 – Irlanda do Norte – 35.ª – Tininha Muelas (2) – 177,95
8) 1995 – Brasil – 18.ª – Dayse Silva (2) – 190,62
7) 1994 – México – 23.ª – Dayse Silva (1) – 182,63
6) 1992 – França – 40.ª – Sarah Guterman – 166,63
5) 1991 – China – 35.ª – Cláudia Schester – 144,94
4) 1990 – Tailândia – 34.ª – Sandra Itoh – 154,38
3) 1989 – Irlanda – 30.ª – Jacque Costa – 166,77
2) 1988 – México – 31.ª – Marilza Yasuoka – 167,55
1) 1986 – Dinamarca – 20.ª – Tininha Muelas (1) – 177,38