44.ª COPA MUNDIAL (20): 3.º DIA – HOMENS

7 a 15 de novembro de 2008
Hermosillo, México – Boliche Bol 300

O norte-americano Derek Eoff manteve a liderança ao final do terceiro dia de competições, com a média de 227,66.

O canadende Jack Guay pulou para a segunda posição graças a maior série dele até agora (1397 – 232,83 de média). Jack foi o primeiro a fazer uma partida perfeita na Copa Mundial Qubica AMF, aqui mesmo em Hermosillo, só que na 30.ª edição em 1994. No ano seguinte ele entrou novamente para a história com o segundo jogo perfeito, em São Paulo, no Planet Bowling.

Os 24 melhores até agora são:

(posição, nome, país, pontos após 18 partidas, média e diferença para o 24.º)
1. Derek Eoff, Estados Unidos, 4156, 230.89, +422
2. Jack Guay, Canadá, 4053, 225.17, +319
3. Hussain Al-Suwaidi, Emirados Árabes, 4030, 223.89, +296
4. Martin Larsen, Suécia, 4005, 222.50, +271
5. Zulmazran Zulkifli, Malásia, 3965, 220.28, +231
6. Rodolfo Corona, México, 3938, 218.78, +204
7. Paul Stott, Irlanda, 3916, 217.56, +182
8. Jimmy Mortensen, Dinamarca, 3907, 217.06, +173
9. Sami Konsteri, Finlândia, 3902, 216.78, +168
10. Francois Sacco, França, 3886, 215.89, +152
11. Luis Rodríguez, Porto Rico, 3881, 215.61, +147
12. George Frilingos, Austrália, 3869, 214.94, +135
13. Pithakvarakorn Phiriyahbhoon, Tailândia, 3838, 213.22, +104
14. Andres Fallas, Costa Rica, 3816, 212.00, +82
15. Leonidas Maragkos, Grécia, 3800, 211.11, +66
16. Zilvinas Perminas, Lituânia, 3800, 211.11, +66
17. Nikita Koshelev, Rússia, 3798, 211.00, +64
18. Hans-Jürgen Müller, Alemanha, 3787, 210.39, +53
19. Mads Sandbækken, Noruega, 3781, 210.06, +47
20. Adrian Judd, Nova Zelândia, 3771, 209.50, +37
21. Erwin Pascual, Espanha, 3758, 208.78, +24
22. Choi Won-Young, Coréia, 3755, 208.61, +21
23. Shaun Macloed, Escócia, 3738, 207.67, +4
24. Jonathan Hocsman, Argentina, 3734, 207.44, 0

Com chances de entrarem na zona classificatória estão:
25. Chris Vandamme, Bélgica, 3729, 207.17, -5
26. Francisco Sanchez, El Salvador, 3713, 206.28, -21
27. Marek Przezpolewski, Pôlônia, 3713, 206.28, -21
28. Ryan Press, Northern Irlanda, 3706, 205.89, -28
29. Lee Yu-Wen, Cingapura, 3680, 204.44, -54
30. Maarten Pittens, Holanda, 3660, 203.33, -74
31. Guy Caminsky, África do Sul, 202.78, -84
32. Kairat Baibolatov, Cazaquistão, 3649, 202.72, -85
33. Mubarak Al Muraikhi, Qatar, 3649, 202.72, -85
34. Karel Kutina, República Checa, 3646, 202.56, -88
35. Kent Li, Hong Kong, 3641, 202.28, -93
36. Jon Ingi Ragnarsson, Islândia, 3641, 202.28, -93

Com poucas chances estão:
37. Omer Oren, Israel, 3621, 201.17, -113
38. Abdul Hakim Al Saud, Arábia Saudita, 3612, 200.67, -122
39. Katunori Hamada, Japão, 3608, 200.44, -126

À espera de um milagre estão:
40. Lorenzo Young, Panamá, 3600, 200.00, -134
41. Nick Froggatt, Inglaterra, 3598, 199.89, -136
42. Manino Fernandez, República Dominicana, 3597, 199.83, -137
43. Edmunds Jansons, Letônia, 3596, 199.78, -138
44. Jeffrey Carabeo, Filipinas, 3585, 199.17, -149
45. Hernan Ramirez, Venezuela, 3578, 198.78, -156

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s