Arquivo do mês: outubro 2011

BOLICHE É LEVADO A SÉRIO NOS JOGOS PAN-AMERICANOS

Vinculado à diversão no Brasil, boliche é levado a sério no Pan

Competidores e público têm de ficar atentos o tempo todo ao placar para conseguir acompanhar as partidas.

(por Adriana Brum, enviada especial a Guadalajara)

Na entrada, o nome do lugar, Bolerama Tapatío, é grafado em um luminoso de neon. Em seguida, chega-se à área de cafés e lanchonete. Indícios de que o local de provas do boliche nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara – uma das principais disputadas da modalidade que ainda não é esporte olimpíco – é, antes de tudo, um lugar de diversão.

Mas não foram brincadeira os quatro dias disputa das quatro medalhas de ouro, em que 64 competidores concorreram ao pódio. Uma delas, para o Brasil, com o bronze de Marcelo Suartz. Continuar lendo

Anúncios

BOLICHE É UMA PAUSA NO AFEGANISTÃO EM GUERRA

CABUL, Afeganistão (AP) – Na capital afegã marcada por anos de guerra, uma jovem afegã apostou US$ 1 milhão que seus compatriotas poderiam ter um pouco de diversão.

Localizado na mesma rua do novo e luxuoso Shopping de Cabul, o Strikers é o primeiro centro de boliche no país, de propriedade de uma jovem mulher Meena Rahmani, 26 anos, inaugurado em 15 de setembro deste ano, após 8 meses de construção. Continuar lendo

MARCELO SUARTZ: BOLSISTA GANHA PRIMEIRA MEDALHA PAN-AMERICANA INDIVIDUAL DO BOLICHE BRASILEIRO

Os bolsistas do Ministério do Esporte continuam fazendo história nos Jogos Pan-Americanos Guadalajara 2011.

Nesta quinta-feira (27.10), foi a vez de Marcelo Suartz, 23 anos. Ele se tornou o primeiro brasileiro a ganhar uma medalha pan-americana individual no boliche.

O atleta perdeu a disputa da semifinal, no Bolerama Tapatio, por apenas 15 pinos, mas garantiu o bronze inédito. Continuar lendo

MARCELO SUARTZ GANHA MEDALHA INÉDITA PARA O BOLICHE NO PAN

Os jogos das oitavas-de-final terminaram no início da tarde desta quinta-feira e todos os três brasileiros que ficaram entre os Top 16 passaram para a fase seguinte.

Foi uma classificação sensacional, até porque nesta fase jogam somente os 16 melhores dos 32 de cada divisão (masculina e feminina)

OITAVAS-DE-FINAL (FEMININO)
SOMATÓRIO DE TRÊS PARTIDAS

Stephanie Martins, que foi a última (16.ª) classificada na eliminatória derrotou espetacularmente a primeira colocada, a favorita norte-americana Kelly Kulick no somatório das três partidas por 630 a 587. Continuar lendo

MARCELO SUARTZ, MARIZETE SCHEER E STEPHANIE MARTINS SE CLASSIFICAM NO PAN 2011

Terminou nesta noite de quarta-feira a fase classificatória para as finais individuais do Boliche nos Jogos Pan-Americanos.

Os 16 melhores classificados em cada divisão avançam para a eliminação individual no sistema de confronto direto nesta quinta-feira.

Os oitavas e as quartas de final serão disputadas em 3 partidas, como a maior série das 3 linhas avançando para a próxima fase.Nas fases semi-final e final o confronto será melhor-de-três.

Horários do México (no Brasil acrescente +3 horas)

Continuar lendo

MARCELO SUARTZ ESPETACULAR, MÁRCIO VIEIRA IRREGULAR: FALTARAM 21 PINOS PARA O PÓDIO NAS DUPLAS

Faltou pouco, mas faltou. Dois spares (21 pinos) e estaríamos comemorando o bronze.

Marcelo Suartz & Márcio Vieira, a dupla masculina brasileira terminou em 4.º lugar  com 4835 pontos, atrás dos colombianos, Santiago  Mejia & Jaime Andres Gomes, que ficaram com a medalha de BRONZE com 4856 pontos.

A PRATA ficou com os venezuelanos José Lander & Amleto Monacelli (5018). A medalha de OURO ficou com os favoritos norte-americanos William O´Neill & Chris Barnes (5211). Continuar lendo

DUPLA MASCULINA BRASILEIRA FICA EM 3.º NO PRIMEIRO DIA DO BOLICHE NO PAN 2011

por EMANUEL COLOMBARI
Direto de Guadalajara (México)
para o site TERRA

As duplas brasileiras do boliche que disputam os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara tiveram desempenhos distintos nesta segunda-feira, primeiro dos dois dias de partidas da modalidade no Bolerama Tapatío. Enquanto Marcelo Suartz e Marcio Vieira ficaram entre os primeiros colocados na classificação masculina, Stephanie Martins e Marizete Scheer acabaram distantes das líderes entre as mulheres. Continuar lendo