VIVER COMO SE JOGA BOLICHE E JOGAR BOLICHE COMO SE VIVE.

De: Marcelo Suartz, jogador brasileiro que está vivendo nos Estados Unidos, estudando e jogando boliche.
Para: Todos

“Boa tarde Bira!

Como anda a terra da garoa? Sucesso?

Aqui está um pouco corrido ultimamente, mas tudo muito tranqüilo.

Bom, vou contar sobre o meu fim de semana do dia 8 e 9 de setembro, um dos melhores que já tive sobre boliche na minha vida.

Uns dias antes do fim de semana meu técnico havia avisado que teríamos um grande encontro (reunião) para a união e confraternização do nosso time. Pois bem, havia achado estranha a duração dessa reunião, sábado e domingo das 9 da manha até as 5 da tarde.

Quando cheguei no boliche onde treinamos, local da tal reunião (Boardwalk boliche – 80 pistas) percebi que era algo muito sério e não um espaço de tempo livre para nos divertimos.

O Dr. Dean, atual psicólogo da seleção americana de boliche, ex-psicólogo da seleção americana de ginástica olímpica, psicólogo de grandes empresas americanas como Microsoft e psicólogo, também, de um dos melhores times universitarios de boliche do Estados Unidos – o Wichita Bowling Team, era o nosso professor no fim de semana, digamos assim.

Ah… ele não é só psicólogo não, é jogador de boliche e conhece muito bem esse esporte que praticamos. No sábado de manha aprendi muitas coisas sobre mental game, preparação fora das pistas, pensamentos durante o jogo, pensamentos fora do boliche, treinamento, enfim, todos esses tópicos relacionados à parte mental do boliche e da vida.

O que mais me chamou atenção nessa reunião foi a visão que ele passou sobre concepção de vida e pensamentos/objetivos, tudo isso esta relacionado queira ou não com tudo que fazemos na vida, inclusive BOLICHE. Ou seja, deve-se jogar boliche da mesma maneira que você vive e viver da mesma maneira que você joga boliche (muito boa essa frase).

O torcer contra está diretamente relacionado com isto, eu não torço contra, nem a favor, eu assisto, pois não vivo a minha vida torcendo para que os outros falhem ou se machuquem.

Achei incrível tudo que aprendi nesse final de semana, tirei muitas dúvidas que estavam rondando minha mente, erros que cometia constantemente no jogo de boliche e até mesmo na minha vida.

Essa é a parte do boliche que diferencia um bom jogador do ótimo jogador. Um livro chamado “The pursuit of excellence”, que estou lendo, diz exatamente a diferença entre um bom jogador e um ótimo jogador e, melhor, o que fazer para trilhar o caminho vitorioso.

Um dos tópicos que muitas pessoas, às vezes, não levam a sério é a parte do treinamento, treine sempre mais ou com mais qualidade. Ou então, sobre o descanso durante competição, a parte de não exagerar nos treinamentos dias antes da competição e ouvir o seu corpo também.

Estar totalmente descansado para um dia de competição é um REQUISITO FUNDAMENTAL PARA UM BOM DESEMPENHO.

O que estou trabalhando/treinando muito nos últimos treinos é a minha concentração e ficar atento 100% durante o jogo todo. Falando assim, parece fácil né? Mas não é tão simples assim não, diria até que é muito difícil. Vou tentar explicar: a alta performance nos esportes individuais ocorrem quando os atletas estão TOTALMENTE conectados com suas performances, até diria que deveriam ligar o piloto automático, deixando seus corpos liderarem, sem interferência. Até aí, nada de novo, pois bem, justamente essas duas últimas palavras da frase anterior é que explicam o problema – sem interferência – ou seja, livre de pensamentos conscientes (de uma forma geral), de preocupação e de avaliação própria.

É realmente incrível o quanto a preocupação pode fazer com sua performance, pois quanto mais preocupado sobre tudo (fazendo comparações, duvidando de você mesmo, possíveis distrações, possíveis falhas ou até mesmo opiniões dos outros) maior será a ansiedade, mais energia será gasta, diminuindo assim a sua perfomance e o seu foco.

Uma coisa que estou praticando, para não me preocupar durante o jogo, é pensar sobre algo interessante, bonito, prazeroso ou pensar o que fazer para executar um bom arremesso na próxima jogada, pois, se você está focado em outra coisa, principalmente as preocupantes, é impossível você estar concentrado ao mesmo tempo.

Outra coisa que tenho praticado é tentar ficar conectado sobre o que estou fazendo, o meu corpo, os meus sentimentos, sem deixar que nada irrelevante ou pensamentos distraídos interfiram na minha performance.

É importante sentir o movimento, cada momento do approach. Tudo isso durante o jogo de boliche, para conseguir estar 100% concentrado e focado durante o jogo inteiro. Para isso é preciso muita prática e não ficar somente falando ”eu quero me focar”.

Bom, espero ter ajudado alguém que esteja na mesma situação que eu. Não contei sobre o domingo, mas o que aconteceu no domingo realmente é muito difícil dizer, uma experiência do outro mundo.

Outra parte importante é o pensamento fora das pistas, isso realmente é muito irado. Escreverei sobre o que aprendi sobre isso, os meus treinamentos, a UCF Bowling Team e os torneios na próxima mensagem.

Obrigado mais uma vez todos que me ajudaram, ajudam e, já adiantando, ajudarão.

Abraços,

Marcelo Suartz.”

17 Respostas para “VIVER COMO SE JOGA BOLICHE E JOGAR BOLICHE COMO SE VIVE.

  1. Rodrigo Hermes

    Maravilha muleke !!! Continue se dedicando em suas metas e objetivos que todos eles se realizaram….. Com certeza você esta no caminho certo do alto rendimento e consequentemente no caminho do sucesso….
    Um grande Abraço!!!
    Rodrigo Hermes.

  2. parabens e continue assim, estude mesmo.
    abs
    estou em miami qualquer coisa me ligue 305-382-9088 ou no meu cel. do brasil 2178154012, ficarei aqui ate a proxima 4 feira .

  3. Parabéns
    sucesso na vida e no esporte.
    dedicação é fundamental, e você quer!
    abraços

  4. Muito bem Marcelo! Parabéns pelo o que você escreveu.

    Agora, quem te viu, e quem te lê!!! Que mudança, hein!!!

    Boa Sorte!!!

  5. Grande “Pedra” O seu relato é talvez um dos mais importantes já publicados em português até hoje. É um relato para se ler e reler centenas de vezes, pelo menos para quem tem a humildade de querer evoluir, não só como jogador de boliche, e sim como ser humano. Obrigado por dividir isso com a gente.
    Take Care Dude 😉

  6. Marcelo… muito bom ler isso tudo que você escreveu e mais importante é poder constatar o quanto você está crescendo e amadurecendo não só como jogador de boliche mas como ser humano… Parabéns !!!

    Os seus relatos são sempre bem-vindos e um verdadeiro presente para a comunidade.. basta a turma ter humildade (que nesse momento lhe sobra) para ver a nobreza desses seus artigos..

    Parabéns e que você continue nos presenteando com a sua experiência…. Beijos grandes…

    Marina e Edson… parabéns para vocês também.. isso com certeza é reflexo da educação e criação que o Marcelo teve !!!

  7. Patrícia Witiuk

    Olá Marcelinho !!!

    Ao dar uma espiada por aqui, fiquei emocionada de imaginar este menino grande (agora um grande menino!!!) dando vôos tão altos … poxa … fiquei muito feliz … E que meio nos leva mais além do que nossa própria mente … tão generosa e desconhecida e mesmo assim tão poderosa … capaz de tanto …

    Estarei torcendo muito por vc … grande abraço e sucesso à vc e sua família.

    Patrícia Witiuk.

  8. Marcelo Aguiar

    Grande xará……….
    Parabens pelo que vc escreveu.
    abraços.

  9. Marcelo,
    Muito legal o que vc. passou. Com certeza nunca no Brasil tivemos tais informações.
    Para quem se interessa e acompanha o esporte talvez tenha noção do que significa … nunca nosso País teve de graça, nada!!!!
    Imagina passar alguma coisa de graça! esse é o pensamento do brasileiro, famoso Gerson da vida, onde tudo se cobra! Parabéns filho vc. é um grande exemplo! Que venham outros, para o bem de nosso esporte! E que independente do futuro vc. já ajudou bastante .

    Obrigada a todos pelo apoio e tirem bastante proveito, porque realmente são detalhes muito importantes relacionados ao nosso esporte que fazem diferença para áqueles que se dedicam.
    Que outros Marcelos apareçam!!!

    Beijos Marina

  10. Ailton Cardoso dos Santos

    Obrigado Marcelo
    Como sempre um exemplo para ser seguido.
    Abraços amigo

  11. Marcelinho, parabéns pelo depoimento e pelo seu aniversário. Fico bobo de ver como nós estamos defasados. Que vc aproveite cada momento nos EUA. E não demore muito pra escrever de novo.
    Abraços, muleke

  12. Marcelo Suartz

    Obrigado todos pela força, parece pouco, mais não é, diria que é muito importante para mim. Estou trabalhando/treinando muito para conseguir meus objetivos, boa sorte a todos e abraços!
    M.S.

  13. Marcelo;
    Que evolução heim! E que revolução causou!
    Parabens, li, reli e com certeza muitos também o fizeram.
    Grato e seja feliz nas suas conquistas, não se importanto com as “pedras”, pois, sempre estarão em nossos caminhos. O importante é sentar a marreta uma à uma, com humildade e sabedoria nesta sua escalada.
    Grande abraço e sucesso.
    Zadir

  14. Cristina Camargo

    Parabéns garoto, estamos todos muito orgulhosos de tudo que vc está e fará, com certeza, tenho certeza que vai longe, realizar seus sonhos e nos dar muitas alegrias, nos representar (Brasil), como merecemos, bjsssss
    Cris

  15. Clair Smaniotto

    Marcelo

    Para voce ver que a mudança está em nós e não nos outros e nem em outros países.
    Não basta só querer, faz-se necessário agir.
    Voce o fez. PARABENS.
    A mudança está em voce.

    Abraços

    Clair

  16. Ao Marcelo, parabéns!!!

    À Patricia Witiuk : você está sumida, hein??! Gostaria muito de te contactar novamente. Me envia um email (mario_kexana@hotmail.com) ou me liga (11-8259-3929).

    Abs a todos,

    Mário

  17. Murilo Franco

    Marcelo, não tinha visto este artigo, e pesquisando na net sobre mental game deparei com essa pérola, obrigado pelos ensinamentos… realmente uma lição de vida e um caminho a seguir…

    Forte abraço e sucesso sempre
    Murilo Franco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s